Notícias

País poupa mais de 2 milhões de árvores com a emissão de notas fiscais eletrônicas

A nota fiscal eletrônica (NF-e) foi implementada no Brasil em 2006 e produziu uma transformação digital nas empresas, com ganhos sem precedentes para o meio ambiente. Desde que passou a vigorar, já foram emitidas 20,853 bilhões de notas fiscais eletrônicas, o que representa uma economia de mais de 83 bilhões de folhas de papel, já que a versão impressa, em média, era feita em quatro vias. A NF-e passou a existir graças ao certificado digital, que é imprescindível para sua emissão.

“Esse é sem dúvida um dos maiores benefícios que a certificação digital trouxe. Além desse lado sustentável, houve queda acentuada de fraudes na emissão, a arrecadação, por consequência, aumentou e as empresas não precisaram mais manter a guarda física de notas, ganhando espaço, reduzindo custos e ampliando a segurança dos sistemas”, comenta Maurício Balassiano, diretor de Certificação Digital da Serasa Experian. Um dado bastante curioso é que uma árvore padrão permite a produção de 20 resmas de papel, ou 10 mil folhas. Desde 2006, portanto, na média foram poupadas 2,076 milhões de árvores.

Segundo Balassiano, o Certificado Digital garante a autenticidade das informações e permite que se identifique de forma inquestionável as transações realizadas por meio dele, dando maior segurança e transparência aos processos”. No caso da NF-e, além da economia de papel, é preciso lembrar que havia as vias carbonadas que eram usadas para a emissão do documento. Ou seja, levando-se em conta também esse insumo, mais a água e eletricidade que são usadas no processo de produção de papel, a economia é muito maior.

De acordo com Balassiano, hoje também muitas empresas estão aproveitando outras aplicações que a certificação digital permite e eliminando o papel no dia a dia de suas atividades. “Essa é uma tendência. Temos vários cases nesse sentido, de empresas que passam a adotar, por exemplo, a assinatura digital e a realizar suas operações apenas no universo virtual, com toda a segurança e garantia quanto à validade jurídica, a partir da tecnologia do Certificado Digital e com a chancela de uma empresa com a reputação da Serasa Experian. Há os ganhos tangíveis e os intangíveis, relacionados à sustentabilidade e imagem da empresa na sociedade”.

Fonte: E-Commerce News